quanto-ganha-um-medico-pediatra-salario

Regulamento Geral de Saúde

No ato da matrícula deverão ser entregues atestado médico para comprovação de acompanhamento médico da criança e cópia da caderneta de vacinação para controle de pragas do Estabelecimento. Os responsáveis devem trazer nova cópia da carterinha a cada vacina.

Em caso de urgência a direção tomará a providência de acordo com opção previamente expressa pelos pais. Em se tratando de hospitais particulares, pedimos aos pais das crianças inscritas como dependentes em convênios médicos que entreguem uma cópia de documento comprovante desta inscrição.

O Estabelecimento tem como objetivo estimular hábitos de higiene pessoal que desenvolvem a autonomia das crianças, tais como: lavar a mão e rosto, escovar os dentes após as refeições, assoar o nariz, além de cuidados com o ambiente.

No berçário a higiene dos bebês é de responsabilidade das berçaristas. As trocas de fraldas devem ser feitas assim que necessárias de forma carinhosa e sem que fique faltando o “bate-papo” entre berçarista e bebê. A região da troca deve ser lavada com água e sabão. Quando se fizer necessário será usado produto próprio do bebê para assaduras ou Hipoglós. Cada bebê deve usar sua própria toalha, e o trocador deve ser limpo e desinfetado a cada troca.

É obrigatório para as berçaristas o uso de uniforme, uso de unhas curtas e limpas com esmaltes claros e cabelos presos.

Os brinquedos devem ser lavados e guardados após o uso.

Verificando-se febre, diarréia, aparecimento de qualquer doença infecto-contagiosa (catapora, caxumba, escarlatina, rubéola, sarampo, coqueluche, hepatite, estomatite ou herpes, conjuntivite, impetigo ou outras) ou de infestações como pediculose (piolhos) ou escabiose (sarna), a criança precisará ficar em casa, sob cuidados, até completa recuperação. A direção deverá ser comunicada prontamente.

No caso de surgimento de febre ou mal-estar durante o período em que a criança estiver no Estabelecimento, um dos pais ou responsável será contatado para que venha buscar a criança e para que possamos tomar as medidas adequadas.

Qualquer medicamento que a criança precisar tomar no Estabelecimento deve vir com cópia da prescrição médica, frasco devidamente fechado e identificado com o nome da criança. O nome do remédio, a dose a ser ministrada, o modo de dar o remédio (puro, diluído, na colher, etc), os horários, o motivo e a duração do tratamento devem ser informados a educadora por escrito, pela caderneta ou bilhete a parte. Não serão dados remédios sem prescrição por escrito.

A equipe é devidamente treinada em primeiros socorros em caso de acidentes. Nestes casos os pais serão avisados imediatamente. Os pequenos ferimentos serão lavados com água e sabão e as batidas ou contusões receberão inicialmente compressas geladas. Nossa farmácia dispõe de medicamentos de alta qualidade.
Quaisquer casos que não se enquadrarem nesse regulamento ou dúvidas de ordem pessoal serão resolvidas pela direção.

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *